NOTÍCIAS

Cássio Soares consulta população de Passos sobre doação do Palácio da Cultura

Postado em 03 de Junho de 2020

O deputado estadual Cássio Soares divulgou em suas redes sociais, nesta quarta-feira, 03 de junho, um questionário a fim de saber a opinião da população de Passos sobre a doação do Palácio da Cultura para uma fundação de cultura, tornando, assim, o Palácio um espaço cultural acessível a toda a comunidade Passense para o seu multiuso. A votação pode ser feita através do link https://palaciodacultura.questionpro.com por qualquer pessoa residente em Passos.

 

Cássio sempre acreditou na cultura como ferramenta de transformação da sociedade, por isso, em 2016 criou o Projeto de Lei Nº 3919, que está em andamento na Assembleia de Minas, para que o Estado faça a doação do prédio para a Prefeitura Municipal, já que, atualmente, o Palácio da Cultura de Passos não pertence ao município. O prédio pertence ao Estado de Minas Gerais e está cedido para a Prefeitura de Passos, em troca da isenção do aluguel do prédio onde funciona a Unidade de Atendimento Integrado (UAI).

 

No entanto, o parlamentar repensou sobre a doação e as possíveis consequências caso o Estado doe o prédio e, agora, Cássio Soares quer alterar o Projeto de Lei, feito por ele, para que a doação seja feita a uma Fundação de Cultura, criada com a finalidade de tornar o Palácio da Cultura um verdadeiro espaço de desenvolvimento humano.

 

De acordo com a análise do deputado “se o Palácio for doado para a Prefeitura de Passos, os próximos prefeitos e gestões que passarão pela Prefeitura poderão utilizá-lo para qualquer outra finalidade e a comunidade continuaria sem um local apropriado para o desenvolvimento de atividades voltadas à cultura”, explica Cássio.

 

Com a mudança do Projeto de Lei, o Palácio se tornaria, de fato, um espaço cultural, sendo que, segundo o deputado, após a doação para uma fundação cultural ele, como representante, continuará trabalhando em prol da conservação predial, bem como na busca por recursos e condições necessárias para que o local permaneça ativo.

 

“Com um espaço que seja realmente da cultura, poderemos instalar uma Escola de Música que abrigue o Coral dos Pequenos Cantores de Passos, que crie a Banda de Música formada por crianças, ensaios e aulas de teatro, aulas de dança, de circo, ações que a própria fundação possa coordenar. Seria um espaço realmente transformador para toda a comunidade, um espaço cultural, que atenda as crianças de baixa renda, que ofereça dignidade, segurança e felicidade e que seja motivo de muito mais orgulho para a nossa cidade”, afirmou Cássio Soares.

 

Participação popular

 

Como o deputado acredita no processo democrático e na participação popular para a tomada de decisões, quer ouvir a opinião da sociedade para a tomada de decisão. Assim também será na construção do projeto e até mesmo na execução, com a criação da fundação cultural. “É um projeto da comunidade, da população passense, do setor cultural, é justo ouvir todos os envolvidos e participá-los desse processo para que haja efetividade e que o espaço seja mesmo utilizado para o fim que se propõe”, explica.

 

Manutenção

 

Praticamente sem manutenção há anos, o prédio tombado pelo Patrimônio Histórico precisa de restauração e de uma conservação para que a história se mantenha preservada. Nesse sentido, o deputado se comprometeu com a classe a trabalhar por recursos que garanta esse cuidado. “A cultura é transformadora e precisa desse olhar, apoio a causa e continuarei empenhado nessa luta com todos os agentes do setor que tanto fazem e tão pouco recebem de suporte do Poder Público. Darei o suporte necessário e trabalhei para que recursos cheguem, que a comunidade abrace a causa, pois é legítima”, finaliza Cássio Soares.

DEIXE SEU E-MAIL E RECEBA NOTÍCIAS