NOTÍCIAS

Delegacia da Mulher de Passos tem nova delegada titular

Postado em 18 de Outubro de 2019

O deputado estadual Cássio Soares anuncia que Passos terá uma nova delegada titular para atender os casos de violência em Passos e região, na Delegacia Especializada da Mulher (DEAM). Essa é uma cobrança do deputado, que foi informado sobre a designação, pela Polícia Civil, na manhã desta sexta-feira, 18 de outubro.

 

A delegada, Mariana Fioravante Romualdo, irá se apresentar na próxima semana, e começar os trabalhos após se instalar no município, dando início ao apoio e instruções para as mulheres que sofrem com a violência doméstica.

 

As cobranças do deputado Cássio Soares, foi realizada após a apresentação das necessidades ao atendimento da mulher em Passos, apontadas pelo delegado regional de Passos, Marcos Pimenta, e também pela presidente do Conselho da Mulher de Passos, Elaine Maia, e a membro Sheila dos Reis. Ciente da precisão, Cássio iniciou as cobranças ao chefe da Polícia Civil do Estado de Minas Gerais, Wagner Pinto Souza. “Depois do trabalho de cobrança e demonstração da necessidade, os resultados aconteceram”, afirmou Cássio Soares.

 

Agora, resta a designação de novos médicos legistas para o IML de Passos, sendo que essa é outra reivindicação feita por Cássio e de necessidade para toda a região. Outra cobrança feita pelo deputado é a recomposição do quadro de delegados, escrivães e investigadores para suprir as deficiências no sul e sudoeste de Minas, a fim de tornar mais eficaz a apuração e investigação dos crimes que acontecem na região.

 

 

Rede de enfrentamento

A nova delegada era uma grande necessidade para o fortalecimento da rede de enfrentamento à violência contra a mulher. Em Passos, em parceria com a Prefeitura, a Polícia Civil irá implantar um projeto pioneiro, junto à Delegacia da Mulher, que visa reunir psicólogos, assistentes sociais, OAB, Associação Comercial, médicos e outros profissionais para o atendimento completo e eficaz às mulheres vítimas de violência doméstica.

 

Além do atendimento às mulheres, o projeto tem uma extensão para o diálogo com os agressores, que serão encaminhados, por meio de determinação judicial, como uma medida preventiva a se cumprir.

 

“Devemos ter atitudes que venham engrandecer o valor da mulher na sociedade. Nós vamos trabalhar de forma incansável, e correta, para termos efetivas políticas públicas em favor das mulheres de Passos, da região e de Minas Gerais”, garante o deputado estadual Cássio Soares.

DEIXE SEU E-MAIL E RECEBA NOTÍCIAS